Depressão tem cura?



A depressão afeta 322 milhões de pessoas no mundo, segundo dados divulgados pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Trata-se de um estado emocional anormal, classificada como doença mental, afetando de modo crônico pensamentos, emoções, comportamentos, percepções e interpretações.


É acompanhada de desequilíbrios químicos no organismo e, diferente da tristeza, a depressão não exige um gatilho, uma situação ou circunstância para se manifestar, e é acompanhada com o sentimento de vazio. Sem tratamento adequado a depressão se instala e pode permanecer por anos.


Para a pessoa que sofre de depressão tudo se torna sem gosto, sem prazer, sem valor. O que antes era motivo de satisfação, já não interessa mais, falta energia, motivação ou significado para as tarefas diárias. Ocorrem perturbações no sono, apetite, memória, concentração e habilidade de tomar decisões. Em casos graves é muito comum a pessoa pensar em suicídio.


A depressão tem cura? Sim, ela tem cura! Mas diferente do que pensa o senso comum, a pessoa deprimida precisa de tratamento medicamentoso combinado com a psicoterapia.


A psicoterapia cognitivo-comportamental vai ajudar em muitos pontos, inclusive na maneira do paciente avaliar determinadas acontencimentos, suas interpretações negativas, revendo-as para uma perspectiva otimista.


A psicologia online tem servido nos últimos anos justamente para ajudar os pacientes a terem mais opções de profissionais qualificados para atendimento. Para pessoas que moram em outros países, por exemplo, muitas vezes, é mais confortável ser atendidos por um profissional que fala o seu idioma e conhece a sua cultura.


Se perceber alguns destes sintomas em você ou alguém perto de você procure ajuda para um melhor diagnóstico. Não descuide da sua saúde mental!

Referências Bibliográficas
BECK, J. S. Terapia cognitiva: Teoria e prática. Porto Alegre: Artmed, 1997.
Barlow, D. H. Manual Clínico dos Transtornos Psicológicos: tratamento passo a passo. 5ª. Ed. Porto Alegre: Artmed, 2016.
Beck, A. Rush, A. J. Shaw, B. F., E Emery, G.Terapia Cognitiva da depressão. Rio de Janeiro: Zahar Editores, 1982.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *